Gravidade, Nymph()maniac, Deer Hunter – Rolê Cinematográfico 2014

Gravity

15.1.14 ~ Gravidade [2013] Alfonso Cuarón
Deixe os chatos se apegarem aos aspectos técnicos da física desse thriller espacial, a la Náufrago no Espaço. Alguns deslizes científicos podem ser irritantes, mas garanto que se você abster-se do mimimi e topar a licença poética vai se divertir enormemente…
Gravidade convida pra uma imersão incrível. O visual é maravilhoso, os efeitos, atuação, o suspense. É difícil apontar que departamento fez um melhor trabalho. Na minha opinião, a turma do som e trilha sonora recebem o joinha. A exploração com a câmera é primorosa. Já que existe a liberdade para percorrer todo o espaço – pun intended – Cuarón utiliza seus recursos de maneira muito inventiva. O roteiro força a barra um pouco repetindo o mesmo arco de superação da personagem de Bullock. E o MKT dedica um docinho de coco para o mercado aquecido da China e Rússia inserindo dois painéis de controle sendo operados pela “dôtora” Stone. De qualquer forma, um filmasso.
~ site oficial Gravidade // trailer warnerbros/gravity ~

~ ~ ~

Nympho

17.1.14 ~ Nymph()manic [2013] Lars Von Trier
Quando seus pais perguntarem: “tem alguma coisa passando cinema?”. Por favor, indique essa “produça”. Como um sábio amigo meu disse:

“Tem cena de sexo, close pau. Piroca pra todo lado”. – Robson Morrison

Verdade, mas não é só isso. Embora muitos dirão que é só isso, sim. O filme é sobre a obsessão por sexo da personagem de Gainsburg. As vezes narrada de maneira enfadonha, as vezes acertadíssima. Von Trier experimenta bastante com a edição e estrutura da narrativa. Acerta e erra, mas certamente, arrisca. Ele opta por contar a história dessa “pessoa ruim” em capítulos. O lance chatinho é o moralismo que rola em cada conclusão de capítulo. Bom mesmo é a tragicomecidade em que Uma Thurman se encontra. Uma impressão de humor desconfortável e triste. Melhor porção da fita.
~ site official Nymph()maniac // trailer vimeo/nymph()maniac ~

~ ~ ~

Deer Hunter

20.1.14 ~ The Deer Hunter [1978] Michael Cimino
Dever de casa: assistir todos os filmes do Cimino. No meu constante estudo sobre improvisação no cinema descobri algumas coisas perturbadoras sobre esse filme, como por exemplo De Niro usando balas de verdade em uma das cenas de ROLETA RUSSA. John Cazale, que compartilhou a sequência, conferia o tambor a todo instante para assegurar-se que o restante do elenco não seria coberto pelos seus miolos. A atuação desse elenco é de cair o queixo. Principalmente Christopher Walken, que inclusive levou uma estatueta. Os caras dão uma aula e tanto nas tais sequências da roleta russa. A fita também levou o Oscar de melhor filme, direção, edição e som. Na vibe: Apocalipse Now, Platoon e Nascido para matar. #fikadika
~  trailer youtube/deerhunter ~

E aí, o que você acha? E o que você assistiu essa semana? Seguimos, B.

Comments

comments

2 Comments

    • January 22, 2014
    • Reply

    Gostei do Gravidade também,mas,acho que o melhor filme de 2013 foi o lobo de wall street e como seu amigo falou : “Tem cena de sexo, close pau. Piroca pra todo lado” e esse filme também tem MAMILOS PRA TODO LADO,mas achei que é um dos filmes com melhores diálogos que já assiti, junto com Pulp Fiction e ¨O lobo¨ tem a melhor trilha sonora do cinema nos ultimos anos.Agora só espero o American Hustle (Trapaça) e 12 years a slave. Valeu Bruno

  1. Geralmente eu dou toda licença poética que um filme precisa. Porém, em gravidade, exatamente a cena dessa imagem que vc postou, um erro grotesco de física me incomodou bastate por ser um momento chave. Não tira a emoção, nem invalida o filme, claro, mas eles deveriam um pouco mais cuidadosos em partes mais relevantes do roteiro.

Add a comment